O imperativo da Transformação Digital – Implicações para as Telcos na América Latina

Este webinar está disponível on-demand

Nos últimos anos, um grande número de operadoras estabeleceram unidades dedicadas de negócios digitais para aproveitar as oportunidades de serviços digitais decorrentes da mudança de estilo de vida e necessidades do consumidor. Espera-se que isso crie novos fluxos de receita e ajude a compensar o declínio/estagnação das receitas tradicionais. Mas qual é o estado da transformação digital na América Latina para as operadoras?

Atualmente as operadoras estão investindo em Cloud, Big Data e segurança, além de conectividade, com o objetivo de se tornar uma empresa de telecomunicações digital. O portfólio amplo, o alcance das vendas e a capilaridade de rede são os diferenciais das operadoras para capturar a oportunidade digital. Como resultado, as operadoras estão deixando de vender conectividade para fornecer serviços de dados.

Os principais elementos da transformação digital atualmente trabalhados pelas operadoras são auto, Agile IT e soluções por verticais. As operadoras já começaram a lançar canais alternativos 100% digitais para iniciar a jornada de autoatendimento, mas ainda precisam melhorar a experiência de uso. Para alcançar a transformação digital, os recursos físicos, virtuais e lógicos da operadora também precisam ser gerenciados. As redes tradicionais e o NFV precisam de orquestração em relação ao sistemas BSS e OSS. Além disso, os elementos multivendor físicos e virtuais das telcos precisam de interoperabilidade. As operadoras na América Latina ainda estão iniciando a jornada, mas a simplificação da estrutura e o NFV/SDN estão na agenda das maiores telcos. As operadoras ainda estão buscando oportunidades para fornecer novos serviços e soluções de negócios para verticais, com soluções customizadas conforme demanda de cada setor.

COM O APOIO DO

frost
Carina Gonçalves
Apresentado por
Carina Gonçalves é analista de pesquisa da Frost & Sullivan para o mercado de Telecom na América Latina. Sua expertise reside na realização de análises de mercado e desenvolvimento de previsões dentro do cenário competitivo regional da indústria de Telecom. Ela se concentra nos segmentos de telefonia fixa, móvel e TV paga.

Faça uma pergunta

Senha perdida

Por favor, digite seu nome de usuário ou endereço de e-mail. Você receberá um link para criar uma nova senha por email.