Desenvolvendo dispositivos poderosos, seguros e conectados para IoT com a Qualcomm

Este webinar está disponível on-demand

Conectar as coisas, disparar ações, obter dados e trazer os resultados. Esta é Internet das Coisas (IoT) vista de forma simplificada. Porem quando vista com um pouco mais de cuidado requer a observação dos aspectos que envolvem a utilização de dispositivos de diferentes características executando protocolos e funções os mais distintos que precisam operar corretamente para disponibilizar os resultados da forma mais íntegra e segura.

Desenvolver uma solução IoT de ponta a ponta requer a observação de diversos aspectos desde a concepção até a implantação e manutenção do sistema e a Qualcomm prima por prover soluções de IoT que agregam capacidade computacional, conectividade e seguranca visando atender aos requisitos mais atuais. Junte-se a nós nesta sessão e veja como a Qualcomm endereça as emergentes aplicações de IoT com soluções poderosas, seguras e conectadas.

PATROCINADO POR

Jose Palazzi
Apresentado por
Jose Palazzi é Diretor de Vendas de IoT da Qualcomm para a America Latina. Engenheiro Eletricista pela Universidade Mackenzie ao longo dos últimos 30 anos Jose trabalhou como Engenheiro e Gestor de Desenvolvimento de projetos, gerenciou equipes de Engenheiros e de Vendas em Industrias de alta tecnologia e combina vasta experiencia tecnica e comercial para o desenvolvimento de projetos e negócios na Internet das Coisas. Dentre seus hobbies Jose desenvolve e fabrica circuitos e instrumentos musicais

14 Comentários

  1. Uma boa visão geral do IoT by Qualcomm.
    Faltou incluir o número dos slides na tela do webnar. Ajudaria a seguir as instruções do José Palazzi.
    Agregou conhecimentos sobre implementações e utilidades.

    • Caro Renato. Teu comentário é muito apreciado e vou recomendar aos organizadores que acrescentem tal informação (acerca do numero no slide).
      E fico feliz por ler de voce. É impagável ver que tais informações te ajudaram a formar tua opinião. Te desejo sucesso no teu desenvolvimento profissional com esta fascinante Internet das Coisas.
      Cordial abraço,

  2. Desejo me especializar em IoT, e essa Palestra mesmo que curta ajudou à agregar conhecimentos e reforçar mais ainda meu objetivo,obrigada!

    • Querida Alessandra, eu agradeço tua participação hoje e ficou muito feliz por saber que este é um tema do teu interesse!
      Desejo que voce desenvolva amplo conhecimento no assunto e me eduque acerca do mesmo!
      Cordiais saudações,

  3. Palazzi, bom dia. Excelente apresentação.
    Não houve tempo para explorar todos os detalhes sobre os tópicos por você abordado devido ao tempo.
    Mas quais seriam os Top 5 pontos que vc. destacaria para que se tenha uma solução de IOT longeva? O que sob a perspectiva de hoje seria uma IOT “Future Proof Solution”?
    Obrigado. Tadao.

    • Querido Ricardo, eu agradeço imensamente o feedback! Que pergunta boa! Me deixa opinar no âmbito conceitual (o assunto pode ser extenso…).

      Uma solução de IoT é longeva quando é capaz de evoluir e incorporar novas funcionalidades que a mantenham necessária. E eu particularmente gosto de ir mais alem e pensar que uma solução de IoT longeva deva permitir incorporar aquelas funcionalidades que ainda não se sabe que serão necessárias!

      Neste escopo eu destaco os três pontos que abordei na nossa sessão: -Deve haver headroom de Performance, Segurança e Conectividade nas vertentes que expliquei na nossa sessão hoje para que sistemas de IoT operem continuamente atendendo as necessidades correntes e tenham capacidade de operacionalizar as evoluções que os mantenham ativos, requeridos e (porque não dizer) indispensáveis.

      De novo, o tema é extenso. Seguramente poderíamos torna-lo mais granular e até trazer outros elementos mas eu reforço a importância de não mais se especificar e fazer produtos que atendem os requerimentos atuais somente. As funcionalidades de IoT estão evoluindo muito rápido e nos da Qualcomm primamos por especificar nossos chips para sempre dar algo mais, justamente em prol do ponto que voce bem trouxe.

      Faço votos de ter endereçado tua questão.
      Um abraço.

  4. A apresentação apontou pontos delicados, inclusive quando se trata de segurança em IoT. Pretendo posteriormente aprofundar mais nessa questão. Em resumo foi muito proveitoso o slide apresentado pelo José Palazzi.

    • Caro Deyvid, muito obrigado pelas considerações. Eu faço votos que voce se aprofunde no tema e o desenvolva muito mais do que eu o fiz ate aqui! Quero ouvir de voce quando voce tiver pontos adicionais (que possa então ensina-los a mim!).
      Um forte e cordial abraço.

  5. Excelente apresentação Palazzi. Congrats ! Porque a Qualcomm hoje pode ser destacada como uma opção de confiança para liderar o segmento de IoT? Quais os pontos fortes que você ( mestre!) observa, referente IoT, quando olha para a América Latina? Obrigada . Fernanda

    • Fernanda, muito obrigado pelo teu feedback!
      A Qualcomm está comprometida com o desenvolvimento e suprimento de dispositivos que permitam implementar a IoT nas mais diversas verticais, observando atender os requerimentos atuais dos nossos clientes porem tambem considerando prover recursos adicionais que permitam a evolução funcional destes dispositivos. O “ponto forte” é justamente o de prover algo mais aos nossos clientes. Quer seja pela integração de funcionalidades adicionais quer pela capacidade excedente que permita a evolução das mesmas funcionalidades ja existentes.
      A America Latina em geral demonstra ter uma capacidade criativa impar no desenvolvimento e execução de soluções da Internet das Coisas. São tantas ideias criativas que hoje carecem de volume para “amadurecerem” e tomarem proporcões mundiais! Portanto eu confio que o emprego das tecnologias da Qualcomm nestas soluções vai permitir que nossas mentes brilhantes na America Latina evoluam seus produtos ao longo do tempo, protegendo seus investimentos e primando pela consistência como base das suas ofertas competitivas!

      Faço votos de poder ter endereçado boa resposta a voce!
      Cordiais saudações.

  6. Palazzi parabéns pela apresentação. Vejo que a Qualcomm está super preparada para atender a demanda de IoT! Os profissionais no mercado já estão preparados para a IoT? Na sua visão quais conhecimentos serão os mais importantes para esses profissionais?

  7. Caro Evanil, muito obrigado pelo teu feedback e compreensão do compromisso da Qualcomm com IoT. Voce acertou na mosca acerca do nosso objetivo e compromisso de atender a demanda de IoT!

    Minha opiniáo sobre a preparação dos nossos profissionais de IoT no Brasil é baseada no que ouço fora do pais sobre eles. De maneira geral o profissional de IoT Brasileiro é criativo, flexível e eficaz e eu credito isso a habilidade cultivada em função da necessidade peculiar de auto-capacitação e da feliz existência de requerimentos únicos na nossa terra.
    Observa-se uma tendência a especialização mundo afora que, de maneira geral, faz com que os projetos de IoT sejam particionados entre “experts” que combinam esforcos e entregam resultados os mais otimizados. Porem é surpreendente a taxa de acerto dos projetos de IoT no Brasil executados por times de tamanho reduzido e as vezes por uma só pessoa, conferindo credibilidade e visibilidade que por diversas vezes culmina na oferta de trabalho fora do pais para diversos profissionais daqui. Mas diversos desses incríveis profissionais de IoT ainda estão por aqui e (pasme) eles gostam de dar aula: -não é incomum ve-los nas universidades transferindo conhecimento e experiencia as novas gerações…

    Você perguntou quais conhecimentos serão os mais importantes. Poxa, isso é extenso e embora eu tenha falado acima da capacidade abrangente do profissional de IoT Brasileiro eu penso que deva haver a busca pela excelencia em Business ou na Arquitetura ou na Implantação ou ate mesmo na Manutenção -quatro pilares que, combinados, cobrem o dominio da execução complexa de IoT. E em cada uma destas areas de foco ha um conjunto de conhecimentos desejáveis de se ter.
    Vou recomendar aqui especificamente em “Arquitetura”. Eu recomendo desenvolver conhecimento auto sustentável dos aspectos que se correlacionam ao equilíbrio do processamento Cloud x Edge, a forma como os dados são seguros (blockchain?) e nas formas como as “coisas” se conectam a nuvem (meios e protocolos) que, como voce pode ver, se correlacionam com o tema da minha apresentação (processamento + seguranca + conectividade).

    Um forte abraço,

  8. Consegui ouvir com calma agora e tenho uma palavra para resumir: excelente!

    O posicionamento da Qualcomm nesse desafio é fantástico. E o conteúdo trazido, principalmente no que tange à segurança, foi muito esclarecedor.

    Parabéns!

Faça uma pergunta

Senha perdida

Por favor, digite seu nome de usuário ou endereço de e-mail. Você receberá um link para criar uma nova senha por email.